04 junho 2015

Lei de causa e efeito e o pensamento criador




Morel Felipe Wilkon


Você conhece a Lei de causa e efeito? Claro que você já ouviu falar, mas entende suas consequências práticas? Talvez o entendimento dessa Lei seja o maior benefício prático que o espiritismo nos oferece. Mas para esse conhecimento ter valor real é preciso compreender que o pensamento é criador.

Compreendendo a Lei de causa e efeito, percebemos que somos os autores de nossas próprias novelas pessoais. Sim, você é o responsável único e direto por toda a sua vida. Não adianta culpar o ambiente, o país, o governo, a política, a família, as más influências, os espíritos obsessores.

Você está no ambiente que merece, nasceu no país apropriado a você, o governo e a política são resultado da sociedade da qual você é um dos membros, sua família é um emaranhado de ligações de muitas reencarnações, más influências e obsessores só têm acesso ao que lhes for semelhante. Você não tem desculpa. Nem eu. Nem ninguém.

Todas as circunstâncias da sua existência de espírito imortal foram provocadas por você. Todas as suas reencarnações, com suas experiências e aprendizados, tudo foi construído por você. Muitas pessoas lamentam não lembrar de suas vidas passadas. Outras acham uma pena não termos contato direto com outras dimensões. Essa impossibilidade é que nos mantém conscientes da vida presente.

Se já é tão difícil termos consciência de nossos atos vivendo apenas essa realidade atual no corpo físico, como seria se tivéssemos milênios de memória e acesso a outros planos?

Você é espírito imortal, mas o seu foco é apenas o presente. Você precisa ter toda a sua atenção voltada para a sua existência atual. O grande problema, o maior entrave às nossas realizações é justamente a dispersão da consciência. Quanto mais tivermos consciência do momento presente, mais fácil será controlar o processo criativo.

Toda a sua realidade é criada a partir do seu pensamento. O seu pensamento é criador. Isso não é segredo. É fato conhecido há milênios, por todas as grandes civilizações do passado. E esse conhecimento vem se propagando e se popularizando cada vez mais. É hora de prestar atenção a essa verdade.

Você cria tudo o que você quer e tudo o que você não quer. Sua mente subconsciente não diferencia verdade e mentira, verdadeiro e falso, sim e não. Sua mente subconsciente trabalha com imagens, dados e emoções. Se algo que você deseja ardentemente se tornar um padrão de pensamento positivo, inevitavelmente isso irá se concretizar. Da mesma forma, se algo que você teme profundamente se torna um padrão de pensamento negativo, certamente isso irá se realizar.

Por que não acontece tudo o que você deseja e tudo o que você teme? Porque a maior parte dos pensamentos positivos e negativos se combatem uns aos outros. Você quer muito alguma coisa, mas ao mesmo tempo tem muito medo de não conseguir. Um pensamento aniquila o outro. Para que haja realização, é preciso que o pensamento seja contínuo, firme e cheio de emoção. A emoção é que desencadeia a conquista.

Um medo pavoroso, uma dúvida cruel, uma história terrível que você cria em sua cabeça, tem muita chance de se concretizar graças à emoção que você experimenta como se fosse verdade. Uma alegria imensa aliada a uma fé inabalável na conquista de algo que você quer de verdade, tem toda a chance de se realizar, graças à emoção que você experimenta como se fosse verdade.

Tudo começa pelo pensamento. E o maior descontrole sobre nossos pensamentos acontece quando fazemos as coisas automaticamente, sem prestar atenção. Nessas horas o pensamento fica livre, sem dono, sem freios, vagando e criando um monte de asneiras. 

O pensamento é criador. Isso não é modo de dizer; é fato. Quanto antes aprendermos a controlá-lo e direcioná-lo positivamente, melhor pra nós. Estaremos fazendo valer a pena essa passagem pela Terra, nesse momento histórico de disseminação de informações e antigos segredos.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...