14 maio 2015

O emparelhamento da máquina, quem diria, nos levará ao buraco ...




Carlos Motta

Nem tudo é negativo nessa onda reacionária que sacode o Brasil.

Ela, ao menos, é capaz de fazer a gente se sentir menos ignorante - já que existem outros muito mais ignorantes que nós.

É, por exemplo, o caso da ex-atleta conhecida por "Ana Paula Volei" nas redes sociais.

No Twitter ela se apresenta como "brazilian pro-volleyball player, 4 Olympic Games,architect-to-be @ UCLA e mãe do Gabriel. Atualmente mto revoltada e completamente indignada com tanta corrupção". 

Pelas suas postagens, conclui-se que é uma crítica feroz do governo federal, do PT e dos "petralhas" em geral.

Direito seu, pois afinal, não por causa de pessoas como ela, vivemos numa democracia, na qual cada um pode expressar livremente a sua opinião.

O interessante, porém, é que a Ana Paula Volei usa esse direito para expor a sua absoluta ignorância sobre o que se passa em seu país.

Ontem, terça-feira, 12 de maio, as redes sociais foram invadidas por mensagens, a maioria delas evidentemente provindas de robôs, denegrindo a imagem do jurista Luiz Edson Fachin, indicado pela presidenta Dilma para ocupar uma vaga no Supremo Tribunal Federal.

Ana Paula Volei embarcou na onda.

E produziu um dos mais indicativos exemplos de estupidez que toma conta do Brasil nos últimos tempos.

Seu tuíte merece ir para os anais do bestialógico político.

Criteriosa analista da cena brasileira, Ana Paula Volei se mostrou indignada com o "emparelhamento da máquina" - seja lá o que isso signifique.

Trata-se de uma obra-prima que merece ser repetida para que a gente aprenda, de uma vez por todas, uma lição de vida simples - quando não temos nada a dizer, é melhor ficarmos calados.

Repetir frases sem entender o que elas querem dizer é coisa de papagaio. 

Dicionário existe para isso: explicar o significado das palavras.

A preguiça mental é um estado que beira a patologia.

E nunca poderia dominar as pessoas que querem "mudar" o país, varrer a corrupção e exterminar os "petralhas".

"Brasil não aguenta mais esse emparelhamento da máquina que só nos leva para o buraco. #FachinNao"

Que coisa, Ana Paula Volei...

O emparelhamento da máquina, quem diria, vai nos levar para o buraco.

E eu, que pensava que era a ignorância que ia acabar com o Brasil.



Postado no Crônicas do Motta em 14/05/2015


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"